Translate

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Chat de sexo Tudo o Que Voce Sempre Quis Saber Sobre Sexo Virtual

Por Erick Itakura - Psicólogo componente da equipe do NPPI

Muito se fala sobre o famoso sexo virtual – mas será que ele realmente funciona? Como fazer? É possível sentir prazer dessa forma? Para descobrimos, fomos atrás de uma especialista no assunto – uma garota que possui um site onde oferece shows de strip online, entre outras coisas. A nossa colunista Lasciva a entrevistou e reuniu aqui detalhes que você precisa saber caso queira experimentar a modalidade:

Conheça as vantagens e desvantagens de praticar sexo virtual
Sexo Virtual Para Valer




A tecnologia encurta distâncias. Manter contato com pessoas afastadas já não é problema, considerando a quantidade de softwares, páginas da web e aparelhos que permitem a interatividade via chat. Podemos nos relacionar com gente do outro lado do mundo, de forma até bem íntima. O avanço tecnológico está tornando o sexo virtual cada vez mais recorrente e acessível. Não à toa, o site camzap.com, que oferece conversas com estranhos pela webcam, aparece na lista dos 100 endereços mais populares de toda a internet, divulgada pelo Google em 2010.

Quando não há com quem trocar carícias ao vivo a internet e o telefone são as soluções encontradas por muitas para aquecer as noites em que a carência bate mais forte



O sexo virtual pode ser bom para quebrar a rotina do relacionamento, mas não se esqueça da vida real
Foto: Getty Images



A prática do sexo virtual pode ser saudável, desde que feita dentro de certos limites e com alguns cuidados. Cada vez mais homens e mulheres estão fazendo sexo por computador ou telefone, mas será que a vale a pena? Se for só para quebrar a rotina vale a pena, mas cuidado para não ficar presa ao virtual e "travada" na vida real.

Revele-se: Pelo Skype, peça para ele adivinhar sua maior fantasia. Para atiçá-lo ainda mais, dê uma dica: "Eu gosto de obedecer (ou mandar...)".


Provoque: Chame seu amado no MSN e, se ele estiver disponível, escreva uma frase bem sugestiva como: "Hoje você vai comer a melhor sobremesa da sua vida...". Você também pode inverter o raciocínio e dizer assim: "Hoje eu quero comer você de prato principal".


Ouse: Mande uma mensagem no celular dizendo o que você gostaria que ele fizesse, mas nunca teve coragem de pedir antes. Ou escreva em quais partes do seu corpo você gostaria que ele passasse a língua. Bem devagarzinho...


Instigue: Quando ele estiver viajando e vocês quiserem matar a saudade, combine um horário, vista uma camisola "daquelas" e faça um strip-tease em frente à câmera do computador.


Sexo virtual pode ser bom para:


Autoestima

Algumas mulheres têm vergonha de se soltar na cama. "Na internet, por e-mail ou telefone, elas se sentem mais seguras para liberar as fantasias", explica o psicólogo e terapeuta sexual João Batista Pedrosa, membro da Associação Brasileira de Psicoterapia e Medicina Comportamental e autor do site www.syntony.com.br Segundo ele, essa modalidade também contribui para que elas percebam que são desejadas. Não existem cobranças nem encanações com quilinhos a mais ou celulite - somente o prazer.

Autoconhecimento

"Tocar-se enquanto conversa com alguém pelo computador é uma forma de conhecer a própria sexualidade, de saber que regiões te excitam e como devem ser manipuladas para você chegar ao orgasmo", diz João. O próximo passo, porém, é colocar o que aprendeu em prática, a dois e no mundo real.

Sexo virtual pode ser ruim para:


Gera frustração

A gente sabe que a essência feminina é o romantismo, a ligação emocional. E viver uma experiência tão íntima, mesmo que a distância pode criar algumas expectativas, inclusive a de namoro sério. Tenha clareza dos seus objetivos quando procurar esse tipo de prazer com um desconhecido.

Você fica obcecada

É fácil se encantar pelo mundo perfeito do amor virtual e querer mais e mais. "Isso pode evoluir para o vício", alerta a psicóloga clínica Lídia Schwarz. Para saber qual é a medida, veja se você deixa de fazer alguma atividade, como cuidar da casa ou trabalhar, para se dedicar ao prazer. "Isso indica que está perdendo contato com o mundo real e se fechando nas suas fantasias", explica João Batista Pedrosa. O isolamento ocorre principalmente com pessoas inseguras ou tímidas. Sexo envolve cheiros, toque, trocas... Por mais avançada que seja a tecnologia, nada substitui o outro.



Milhares de pessoas, mundo afora conseguem lucrar com a demanda de sexo pela web. É o caso de Sofia, que criou seu próprio site www.garotaparaprograma.com, onde oferece shows online, de strip e muito mais. Antes de começar a trabalhar como stripper virtual, a garota já tinha o fetiche de se exibir para a câmera, em conversas picantes com rapazes que conhecia na internet. Certo dia, um amigo lhe contou que ela poderia cobrar para fazer o que ela e os internautas tanto gostavam. Com isso, conheceu uma imensidão de sites que oferecem garotas ao vivo. Encontrou maneiras seguras de pagamento online e investiu no que fazia, como uma forma de complementar sua renda. Ela diz sentir prazer no que faz: “Fui gostando cada vez mais. Adoro. Quando faço é para eu me divertir, brincar, curtir”.
Há pouco mais de doze meses dançando para a webcam, a jovem de 22 anos recebe, atualmente, cerca de 20 emails diários com pedidos de shows. O trabalho na internet não é ainda a sua única fonte de renda, mas ela considera que está rendendo bons lucros. Recentemente, decidiu em investir em um site para assinantes, onde deixará vídeos disponíveis para os clientes poderem te assistir a qualquer hora.
Sofia assume que as apresentações que promove alimentam sua vaidade. “Gosto de sentir o olhar de desejo do outro sobre mim. E de me ver na tela, me sentir bonita. Sempre gostei de provocar, para ver até onde o outro vai aguentar, até onde aquilo chega”, confessa. Em seu site, a garota oferece variadas opções de apresentações virtuais, incluindo masturbação, uso de vibradores e bolinhas tailandesas. “Eles ficam loucos mesmo com penetração anal”, revela.

Como fazer

Em uma conversa com Sofia, a stripper virtual, trocamos algumas ideias sobre o que ajuda a tornar o sexo na web mais excitante. Seja na hora de esquentar o namoro à distância, matar saudades do maridão que está longe ou provocar um rapaz que acabou de conhecer na internet, a ação acaba sendo muito parecida.
O ideal é a garota deixar a vergonha de lado. Criar um clima ajuda a ficar à vontade. Por isso, é bom cuidar dos preparativos e fazer uma bela produção do visual. Ver-se bonita na câmera vai te faz sentir mais preparada. Dá tesão assistir a uma mulher segura do próprio corpo. Por outro lado, quanto mais relaxada você estiver, mais prazer conseguirá obter no momento. Uma amostra de autoconfiança é um ótimo atrativo para o observador, do outro lado da câmera. A stripper dá a dica: “é importante você se sentir bem e gostar do que vê na tela. Porque quando você está gostando, a pessoa do outro lado provavelmente também vai gostar”.


Sofia conta com roupas próprias para os shows – lingeries sensuais, algumas fantasias, perucas. Até uma camiseta branca, bem justa, pode ser sexy. Antes de aparecer na câmera, ela se maquia, arruma o cabelo cabelo, prepara a iluminação do recinto. Se estiver de noite, é interessante buscar uma luz direcionada para o seu corpo, que pode ser de uma luminária ou abajur. A qualidade da imagem da webcam é bem baixa, por isso é fundamental cuidar da luminosidade ambiente.
A stripper gosta de diversificar os ambientes em que se apresenta – sobre a cama, no chuveiro, na banheira do motel. Se vai fazer o show de pé, coloca, ao seu lado, uma cadeira de apoio. Além dos cuidados com o corpo e alimentação, Sofia considera unhas feitas um toque essencial. O olhar do outro é guiado principalmente com as mãos. O contraste provocado pelo esmalte realça as partes do corpo tocadas no momento de se exibir na webcam. Uma coisa que pode funcionar é o gesto de espalhar creme hidratante pelo corpo – além de ser uma cena bonita de se ver, destaca a pele e ressalta as curvas da mulher.
Uma boa música ajuda a relaxar, conduzir os movimentos, pautar a atitude e manter o clima. Quando toca um som sexy, de que gostamos, o rebolado surge naturalmente. “Às vezes ponho um funk safado, outras vezes um rock’n roll. Alguns caras querem ouvir apenas o som dos meus gemidos”, relata Sofia. Ouvir o som do sexo também excita. A garota conta que eles gostam quando ela se solta, geme à vontade e fala safadezas. “Você tem que se conhecer, se tocar, curtir o que está rolando. Eu considero o sexo virtual uma forma de autoconhecimento. É um momento em que está ali, antes de tudo, consigo mesma. Se você consegue se dar prazer, é capaz de provocar também o prazer do outro”.
Para quem não tem experiência, é recomendável ensaiar e se assistir. Isso lhe permite descobrir o que funciona melhor, que ângulos favorecem o seu corpo. Repare que partes ficam mais bonitas em close – como boca, seios, bumbum empinado. Há quem adore assistir aos pezinhos se mexendo bem perto da câmera. Ao treinar, você consegue testar como se posicionar e se mover à distância. Quem ainda não tem muita desenvoltura, deve gesticular lentamente, tentando seduzir com os movimentos. Sem pressa. “Gosto de fazer alguma coisa bem sensual, incitar bastante antes de começar a tirar a roupa”.
Com poucos recursos, é possível conectar o computador na televisão. Assim, a garota tem a visão mais clara da sua própria imagem e consegue posicionar a câmera de outro ângulo. A solução torna mais fácil encontrar as melhores posições, durante o sexo virtual. “É ótimo, facilita um monte”, opina Sofia sobre o artifício da tevê, “mas quem não tem o recurso, improvisa como dá”.

Sexo virtual é capaz de atiçar o voyeurismo, o prazer do olhar, de contemplar e imaginar. Homens são extremamente visuais. Insinuar-se para eles alimenta as fantasias a seu respeito. O tesão em torno da expectativa, a instiga, contribui para tornar o encontro real ainda mais quente. Sofia admite que se sente excitada só de ver o olhar do outro, tomado de tesão, ao te admirar. No entanto, acrescenta que, apesar de considerar uma diversão estimulante, o sexo virtual é apenas um aquecimento para o que pode vir a seguir. Riscos
O ambiente virtual torna mais também fácil tentar ser o que não é. Por isso, antes de se envolver com alguém pela internet, recomenda-se atenção redobrada. Muitas são as histórias de quem entra numa roubada por um envolvimento na web, você também deve conhecer alguma. Ano passado,um garoto de 17 anos veio da Suécia para conhecer a namorada e descobrir que a menininha de 12 lhe contou umas boas mentiras. Desiludido, ele ainda teve que ficar preso no aeroporto de Salvador, por ser menor de idade viajando sozinho. Um exemplo da mais pura ingenuidade, que poderia terminar bem pior.
Antes de encontrar alguém conhecido via web, é importante buscar as referências sobre quem é aquela pessoa. Conferir se tudo o que o outro disse é realmente verdade, questioná-lo sobre todas as dúvidas que tiver a seu respeito e até falar das preocupações quanto à sua segurança. É recomendável marcar em locais públicos e movimentados, de preferência um lugar conhecido. Sofia, que também faz programas com alguns homens que seleciona, diz que sempre vai a um motel onde a conhecem, como forma de se resguardar. Na hora de se exibir para desconhecidos, recomenda não mostrar o rosto – nunca se sabe aonde aquelas imagens podem parar.
Há quem use sexo virtual para alcançar algo que não consegue no dia a dia. A internet comporta um público de milhões de pessoas ávidas por sexo. Então meninas encontram no exibicionismo a atenção alheia, certas vezes inexistente no seu cotidiano. A stripper conta que alguns de seus clientes buscam mais do que um mero showzinho, querem estabelecer uma relação com uma mulher – coisa que pessoalmente é uma dificuldade de atingir.
Na internet, não há a consumação do ato, mas uma sugestão. A culpa de buscar sexo fora do relacionamento também acaba sendo menor. A rede social Ashley Madison é voltada para pessoas casadas que buscam relacionamentos sem compromisso. Com o slogan “A vida é curta. Curta um caso”, o site reúne mais de 170 mil brasileiros. Um terço são mulheres, cuja maioria afirma querer se vingar de uma traição. A maior parte dos homens diz estar ali para procurar uma fuga à rotina do dia a dia. Sofia conta que é muito procurada por homens casados “já aconteceu de me pedirem para tirar o áudio, porque a mulher estava em casa”.
Há quem considere que o sexo virtual com outra pessoa fora do relacionamento, por não haver o toque e a troca de fluidos, não seria adultério. De tão parecido com o consumo de uma simples pornografia, algumas pessoas nem consideram o contato virtual uma forma de relacionamento. Fica aqui a questão para os leitores responderem nos comentários: sexo pela internet pode ser traição?

Chat de sexo pode ser uma ferramenta eficiente para fazer a vida sexual com o seu parceiro excitante e emocionante. Criando seu parceiro chegar em chat de sexo com você pode ajudar apimentar o relacionamento procurando formas criativas de fazer amor. Discutindo as várias questões eróticas que os parceiros podem entrar para através do chat de sexo pode ajudar a aliviar-se um monte de estresse e ter um momento incrível na cama com o parceiro. O chat de sexo vai ajudá-lo se abrir e fazer você se sentir extremamente confortável de se envolver em fantasias sexuais com seu parceiro, com grande facilidade. Também ajudaria a você alguns truques novos de desfrutar de fazer que pode ser excitante e emocionante para ambos os parceiros.
Uma das vantagens de se envolver com seu parceiro em uma sala de chat sexo é que não haveria restrição que permitiria que você deixe tudo para fora e falar sobre qualquer coisa de sua escolha. Seria ajudar a descobrir o desejo erótico em você. É extremamente segura e ajudaria a satisfazer os estrangeiros sem ter que se preocupar com a confidencialidade das informações pessoais. Conhecer estranhos é mesmo muito mais seguro e emocionante, em comparação a ser entrar em contato no bar ou pub, pois oferece uma oportunidade de estar em seu próprio país, sem ter que se preocupar com o que as outras pessoas pensam sobre você.
Uma delas seria capaz de manter a identidade proteger e valorizar as discussões eróticos e conversar com o outro. Ele permite que você escolha a partir do grande número de pessoas que estão disponíveis on-line para apreciar a emocionante conversa envolvendo chat de sexo e todas as formas de debates e ações que você jamais teria sonhado.

O sexo não é mais um assunto restrito entre os adolescentes e adultos. Os jovens da geração moderna não hesite em falar dos problemas sexuais em aberto. O crescimento da web e muitos números de on-line sites de namoro e salas de chat de sexo produziu o tema do sexo ser tratado como normal. Cada um e todos e cada um pode ter acesso a estes por apenas entrando para a web e pode escolher formar o número de quartos de chat de sexo que prestam serviços interessantes para cumprir todas as conversas desejados e fantasias sexuais. Ele fornece a indivíduos com uma oportunidade para abrir completamente sem inibições e preconceitos.

Chat de sexo pode ser uma ferramenta eficaz para fazer a vida sexual com o seu parceiro excitante e emocionante. Criando seu parceiro chegar em chat de sexo com você pode ajudar apimentar o relacionamento procurando formas criativas de fazer adorar. Discutindo as várias questões eróticas que os parceiros podem entrar para através do chat de sexo pode ajudar a aliviar-se um monte de ansiedade e ter um momento incrível na cama com o parceiro. O chat de sexo vai ajudá-lo a se abrir e fazer você se sentir muito confortável de se envolver em fantasias sexuais com seu parceiro, com grande facilidade. Também ajudaria a você alguns truques novos de desfrutar de geração que pode ser excitante e emocionante para ambos os parceiros. 
Uma das vantagens de estar envolvido com seu parceiro em uma sala de chat sexo é que não haveria restrição que permitiria que você deixe o seu auto tudo para fora e discutir qualquer coisa de sua opção. Ele ajudaria a descobrir o desejo erótico em você. É extremamente segura e ajudaria atender os estrangeiros, sem ter que se preocupar com a confidencialidade das informações pessoais. Conhecer estranhos é ainda muito mais segura e emocionante, em comparação com a obtenção em contato no bar ou pub, pois proporciona uma oportunidade de estar em sua própria sem ter que se preocupar com o que outras pessoas acreditariam sobre você.
Uma delas seria capaz de manter a identidade proteger e valorizar as discussões eróticos e conversar com o outro. Ele permite que você escolha a partir do grande número de indivíduos que são acessíveis em linha para apreciar a emocionante conversa envolvendo chat de sexo e todas as formas de debates e ações que você jamais teria sonhado.

O que as pessoas buscam num chat de sexo?



Os usuários descobriram, explorando a Internet, que todo e qualquer assunto pode ser procurado, pesquisado e muitas vezes vivido (dentro das limitações técnicas do virtual) dentro da grande rede. Um dos assuntos mais procurados em todos os sites de busca sempre foi o tema sexo. E dentre os vários recursos interativos utilizados, o Chat é um dos recursos que mais atrai usuários.

Experiência em chat pode ser curiosa, interessante e gratificante, mas exige cuidado

Navegando em um chat criado por usuários sobre profissões relacionadas ao sexo, podemos descobrir que essa ferramenta leva os usuários a viverem sentimentos que em outros ambientes (não virtuais) não se permitiriam, ou pelo menos não se arriscariam a tanto. Entre os curiosos, profissionais da noite e muitos aventureiros, as fantasias são colocadas na rede e compartilhadas por muitos.

O tema (sexo) e o ambiente (virtual) são férteis para ocultação de realidade, ou mesmo para se desconfiar de alguns dos dados observados. Porém, ao visitar com certa freqüência esses sites, o que se encontra são comunidades onde as pessoas procuram alívio para sentimentos que não são explorados no cotidiano, ou que são envolvidos por algum tipo de tabu.

Sabe-se que, desde que o mundo é mundo, as profissões relacionadas ao sexo existem, assim como culturalmente - na música ou na literatura – as concubinas, prostitutas e outras representações da figura feminina explicitamente sedutora sempre estiveram presentes. Porém nesses ambientes, a variedade que se encontra é um pouco mais ampla e o leque de exemplos se abre aos curiosos.

Questionando alguns usuários sobre as razões de procurarem esse espaço, muitos dizem ser esta a forma que encontraram para ‘extravasar’ energia, ou ‘matar a curiosidade’. Alguns até encontram nesse ambiente um meio de sobrevivência profissional e emocional. Depois de trocar algumas palavras, o que se observa entre os participantes é uma descarga muito rápida de sentimentos, afetos, emoções, etc. Alguns acreditam que depois de poucas palavras e pequenas descrições podem encontrar o depositário ideal para todas as suas fantasias latentes. Depois de duas linhas de conversa acham que estão diante de um Brad Pitt ou Angelina Jolie.

Nessas comunidades virtuais, observam-se comportamentos que também são encontrados fora da Internet: intrigas, mentiras brigas; muitas vezes essas comunidades refletem como que um espelho da sociedade, pois nada foi criado, apenas reproduzido em um outro meio.

Alguns profissionais da noite (garotos e garotas de programa) anunciam seus serviços via chat, e relatam que muitos usuários ainda procuram esse serviço para buscar sua ‘primeira noite’, sua ‘primeira escapada’, ou para tentar ver como um profissional trabalha via webcam. Outros ainda dizem que é uma fantasia que gostariam de viver, abrindo assim a possibilidade da fantasia virtual passar a ser vivida na realidade.

Mesmo sendo um ambiente propicio para a vivencia de experiências que não se atreveriam a ter no mundo real, algumas pessoas acabam ‘escorregando’, e deixando que seus sentimentos e vontades a dominem, e partem para a ‘real’. Quando uma pessoa rompe essa barreira, descobre que a atuação estava a favor de suas fantasias, e que o outro passa a ser uma ‘pessoa’, e não mais aquela figura idealizada como lhe parecia ser no chat, acabando geralmente em frustração.

Vale lembrar que, como em outros ambientes onde não se conhece muito bem as pessoas, alguns cuidados devem sempre ser tomados: a segurança deve sempre ser verificada. Como dito aqui, alguns comportamentos humanos podem trazer algum prejuízo moral ou físico. Porém, guardados os devidos cuidados, essa experiência pode ser interessante, curiosa, ou mesmo gratificante.

Por Erick Itakura - Psicólogo componente da equipe do NPPI

2 comentários:

Anônimo disse...

Excellent blog here! Also your site loads up very fast! What host are you using?
Can I get your affiliate link to your host? I wish
my web site loaded up as fast as yours lol

Also visit my website; low cal diet plan
(allaboutgarcinia.com)

Anônimo disse...

You can browse online in the convenience of your own home and then sit back and wait so they can be delivered.
The process helps in maintaining a perfect balance of temperature for cleaning the carpet.

You don't have to use it all the time thats impossible, just the weekends.


Feel free to surf to my web blog carpet cleaning houston

Loading...
Bem vindo ao nosso site !
Saiba quais as melhores agências de modelos mais próximas sua residência. Dicas de trabalhos e conselhos para
iniciantes que desejam fazer figuração em
comerciais de TV, catálogos, eventos e muito mais !